image1 image2 image3 image4

Artigos

Alimento e energia vital

Em todos os seres vivos existe uma energia circulante chamada Energia Vital, que é aquela energia que mantém em admirável atividade harmônica as células, órgãos e sistemas do organismo vivo.

Para que tal ocorra da maneira mais perfeita possível, é importante que se cumpram certas leis biológicas que regem o funcionamento normal deste organismo, evitando assim, excessos ou negligências que podem ser prejudiciais ao ser humano como um todo.

É esta força que, em determinadas circunstâncias e quando necessário, desencadeará o processo da vis medicatrix naturae, ou seja, do reequilíbrio e da auto-cura.


Alimento e saúde

A saúde é uma condição normal dos seres vivos. É um estado de equilíbrio fisiológico em que todos os órgãos trabalham harmonicamente, executando com perfeição as funções a que foram destinados. Desta forma, a alimentação é fundamental para que as funções orgânicas se desenvolvam normalmente, sendo natural, portanto, que o organismo se ressinta quando esta dieta ao invés de mantê-lo em harmonia, represente uma agressão.

Nossas células estão preparadas para metabolizar o que é natural, entretanto, se tiverem que processar o artificial, gerará um custo, que deverá representar um decréscimo na qualidade de vida e longevidade, e um aumento na predisposição às enfermidades.


Dieta balanceada

Claro que nada há de mau em se comer doces, ou mesmo alimentos industrializados de vez em quando, mas há que se ingerir também outros tipos de alimentos. A quantidade exata de cada um constitui o que chamamos de uma DIETA BALANCEADA. Precisamos de alimentos de muitas espécies, cada um com uma detarminada função, seja para promover o crescimento, seja para promover o rejuvenescimento ou para nos manter sadios.

Assim, podemos perceber que é muito difícil ditar uma dieta alimentar única, pois, esta deve se adequar a cada indivíduo, respeitando suas características próprias.


Alimentação da criança

Comecemos pelas crianças, para que sejam adultos saudáveis é necessário que tenham na infância uma alimentação adequada.

É triste perceber que o gosto do suco de laranja é igual e da mesma cor a de um refrigerante. O que está acontecendo? Uma inversão total dos valores, que muitas vezes leva a crer que a cor laranja é igual ao gosto da fruta desta cor. As crianças, devido a inúmeros motivos, estão cada vez mais se distanciando da natureza. O ideal é, mesmo dentro de uma sociedade de consumo, estimular e educar as crianças de forma a desenvolverem hábitos mais salutares, ensinando-os a alimentar-se com frutas e alimentos caseiros em vez de refrigerantes e enlatados.


Alimentos com vitalidade

A nossa energia vital é sustentada e suprida com vitalidade também, e esta vitalidade está em tudo o que é vivo, ficando claro que neste aspecto, os alimentos mais adequados serão as verduras, legumes, raízes e frutas, e os cereais também, pois são verdadeiros repositórios de energia concentrada - lembremos que todo o potencial energético de uma árvore se concentra em sua semente. Enquanto que os alimentos refinados/industrializados, como o açucar, sal, farinha, arroz, leite em pó acabam perdendo praticamente todas as suas propriedades vitais. Concluindo, ao pensarmos em uma vida melhor, deveremos preferir os cereais integrais, sal marinho, mel, leite in natura, etc.

Devemos também nos lembrar dos alimentos crus que além de estimular a mastigação, que já é o início da digestão, nos oferece quase toda água que necessitamos num dia de atividades normais e as fibras necessárias para um bom funcionamento intestinal.


Sobre a procedência dos alimentos

E e carne, indispensável para uns e abominável para outros. Ela chega à mesa somente após ser morto seu dono, portanto sem vitalidade, tendo passado inclusive por processos de congelamento e depois aquecimento, sem falar no que se passou com o animal durante sua criação e crescimento: confinamento, alimentação de engorda, antibióticos, vacinas, hormônios e muito mais. É importante também saber a procedência dos alimentos e saber variá-los e, eventualmente, substituí-los.


Dieta ideal

Mas quão difícil é comer corretamente, ainda mais, com tantas opções oferecidas. O importante é tentar fazer o melhor possível. Não medir esforços para encontrar verduras e frutas sem agrotóxicos, preparar o alimento em casa e, fundamentalmente, com amor. A natureza esteve sempre a nosso favor e nos oferece de tudo sem a necessidade de acidulantes ou corantes. A dieta ideal deve ser aquela onde existe uma preocupação com a qualidade, no bom senso com relação ao que vai se comer, e também com relação à quantidade ingerida.