As principais causas do soluço

Os soluços surgem repentinamente e podem rapidamente tornar-se irritantes. Isso faz com que as pessoas tentem qualquer coisa, sejam elas criativas ou incomuns, para acabar com eles. Não é de espantar o fato que discussões e teorias sobre como dar fim neles sejam tão abundantes na web.

Por este motivo às vezes é muito difícil conseguir diferenciar um método recomendado das histórias da carochinha. Por isso neste artigo vamos nos preocupar em como acabar com o soluço usando métodos recomendados por especialistas.

O soluço ocorre quando o diafragma se contrai involuntariamente de repente, e o músculo que fica abaixo do pulmão e é responsável pela respiração. Essa contração impede o ar de ir para os pulmões, fazendo com que ele vá para o estomago. O barulho (hic) surge quanto o estomago tenta expulsar o ar.

Ainda não existe um motivo certo que provoca o soluço, mas existem algumas variáveis:

Distensão do estomago: causado em consequência da dilatação do estomago, por exemplo, comer demasiadamente. A distensão pressiona o diafragma e provoca os espasmos.

Doenças do fígado: insuficiência hepática e hepatite podem irritar o diafragma causando o soluço.

Doenças neurológicas: algumas situações ligadas ao sistema nervoso central que tem a capacidade de afetar o bulbo podem levar ao soluço.

Refluxo: por causa do refluxo a mucosa do esôfago fica irritada, o nervo frênico fica localizado bem nessa região, com isso o músculo é estimulado, contrai e gera o soluço.

Medicamentos: alguns medicamentos alteram, temporariamente, as funções cerebrais, de uma forma que leva ao soluço.

Devemos nos preocupa somente se o soluço durar mais de 10 minutos, ou aparecer com frequência, isso pode indicar que alguma coisa não está funcionando corretamente.

Para dar fim ao soluço a otorrinolaringologista Jeanne Oiticica indica prender a respiração por alguns minutos, outra dica é respirar dentro de um saco de papel, esses dois procedimentos elevam o nível de CO2.

TAGS: Soluço, Otorrinolaringologia, Diafragma, Causas

 

Leia o texto original em: https://goo.gl/9pFr6y

2017-07-05T08:00:18-03:00 05/07/2017|BEM-ESTAR, DICAS, SAÚDE|0 Comentários

Deixar Um Comentário