Qual o seu tipo de metabolismo?

A nutrigenômica, ciência que estuda como a constituição genética de uma pessoa interfere no resultado da dieta, pode ser uma opção saudável no combate ao excesso de peso.

Pois nutrigenômica considera que cada pessoa possui um metabolismo diferente, e para isso ela separou os indivíduos em 3 grupos diferentes: os tipo carbo, tipo proteína e tipo misto, considerando os genes de cada sujeito. Assim que o tipo é identificado a pessoa pode comer a vontade, desde que respeite as indicações.

Para determinar o perfil bioquímico-metabólico e descobrir as necessidades de seu organismo variáveis como: condições físicas, estilo de vida, aspectos psicológicos e mentais, idade, e até o clima do lugar onde a pessoa vive são considerados. Exames clínicos e de laboratório também são realizados para determinar o tipo metabólico.

Para descobrir qual o seu tipo metabólico é só responder as perguntas abaixo com sim ou não:

Meu apetite no café da manhã é forte?

No almoço meu apetite é forte?

E no jantar meu apetite é forte?

Ficar mais de 4 horas sem comer é difícil?

Sinto-me faminto e necessito de lanches entre as refeições regularmente?

Vivo para comer e não como para viver?

Carne ou peixe nas refeições me deixa com mais energia?

Refeição vegetariana não satisfaz a minha fome?

Ingerir carne ou alimento gorduroso restaura minha energia?

Gosto mais de alimento salgado e gorduroso que os doces?

Consumir somente frutas não me satisfaz?

É muito difícil ficar de jejum?

Comer antes de dormir melhora o sono?

Beber suco de laranja pela manhã não me faz bem?

Café me deixa acelerado, nervoso e com tremores?

Meus olhos e nariz costumam ficar úmidos?

Durante o dia preciso urinar muitas vezes?

Frequentemente tenho que tossir e limpar a garganta?

Prefiro dormir pela manhã?

Quando me corto a ferida cicatriza rapidamente?

 

Resultado:

Se marcou 18 ou mais vezes “não” você é do tipo Carbo: invista nas proteínas leves como as vegetais ou derivadas do leite, reduza os laticínios e procure alimentos com baixo teor de gordura. Verduras, frutas, legumes e grãos são excelentes opções, mas o excesso de gordura e proteína absorvem suas energias causando irritação e ansiedade.

Se marcou 18 ou mais vezes “sim” o seu tipo é Proteína: prefira as proteínas, de preferências as de origem animal, consuma vegetais pobres em amido como alface, repolho, grãos, porém evite farinhas refinadas. Evite frutas em grandes quantidades, margarina e óleos hidrogenados.

Mas se marcou menos 18 respostas “sim” e “não” o seu tipo é Misto: inclua proteína nos lanches, a vontade de comer doces após as refeições pode indicar ingestão em excesso de grãos, bem como a vontade de comer doces após o consumo de frutas indica excesso de carboidratos e pouca proteína, diminuir o consumo de qualquer tipo de açúcar.

O Blog Homeopatia e Saúde, é um espaço informativo da Clínica Similia Homeopatia de qualidade em São Paulo – próximo da Av. Paulista, filiada ao Dr. Ariovaldo Ribeiro e a Dra. Ana Lucia Dias Paulo, para matéria completa visite: https://goo.gl/pbJS5L

 

 

TAGS: Metabolismo, Dieta, Carboidratos, Proteínas

2017-07-14T08:00:20-03:00 14/07/2017|BEM-ESTAR, DICAS, SAÚDE|0 Comentários

Deixar Um Comentário