Ser Mulher: Depilação: boas práticas para evitar inflamações

Você já notou bolinhas vermelhas na virilha após a depilação? Essas bolinhas são pelos encravados que não conseguem despontar e ficam “presos” dentro da pele, causando a foliculite e até mesmo inflamações mais doloridas.

O Blog Homeopatia e Saúde, uma publicação da Clínica Similia – Homeopatia de qualidade em São Paulo – Região da Av. Paulista, vinculada ao Dr. Ariovaldo Ribeiro Filho e a Dra. Ana Lucia Dias Paulo, na sua coluna especial de saúde feminina, SER MULHER, ensina como lidar com a depilação de modo a evitar a foliculite.

A foliculite pode aparecer após qualquer tipo de depilação, seja a cera, com pinça ou lâmina – essa, em especial, tendem a causar o problema com mais frequência. Alguns cuidados podem ser tomados para evitar que isso aconteça. Veja abaixo!

Antes de depilar

  1. Desobstruindo os poros antes da depilação

Massagear com água morna/quente ou fazer uma esfoliação antes de começar a depilação ajudará a remover células mortas da pele e permitindo que os poros estejam mais livres para o surgimento dos pelos.

  1. Cuidados com a lâmina

Se utiliza gilete para depilar, alguns cuidados são essenciais. Prefira lâminas descartáveis, principalmente se tem uma pele mais sensível. E nunca, nunca faça depilação com lâminas velhas e enferrujadas, que podem trazer riscos piores que a foliculite. Outra recomendação importante é que tenha suas próprias lâminas ao invés de compartilhar com outra pessoa.

  1. Use cremes para depilar com lâmina

Se costuma depilar com gilete, o ideal é utilizar cremes específicos. Cremes de barbear são uma opção, mas também pode optar por cremes e espumas especiais para depilação feminina em zona íntima. Evite utilizar sabonetes nessa zona, pois podem causar ressecamento da pele e piorar a foliculite.

Cuidados pós-depilatório

  1. Óleos e hidratantes para a pele

Após a depilação, a zona estará sensível e precisa de cuidados. Não esfregar a toalha é uma boa prática para evitar machucar os poros. Também recomendamos utilizar óleos vegetais (coco ou amêndoa são boas opções) ou cremes sem álcool e sem fragrância.

  1. Roupas confortáveis

Evite utilizar roupas apertadas e tecidos sintéticos logo depois de depilar. Prefira roupas mais soltas e tecidos que deem espaço para a pele respirar, como algodão. 

  1. Nada de praia ou piscina depois de depilar

Quando a pele é depilada, especialmente na zona íntima, os poros ficam abertos e sua pele está completamente exposta. O risco de machucar ou contrair alguma bactéria é muito grande. Evite entrar em piscinas, que podem conter cloro e bactérias, bem como mares, rios e não exponha a pele ao sol.

Seguir corretamente essas práticas ajudará a prevenir as “bolinhas” da foliculite, bem com as inflamações indesejáveis e deixará sua pele mais bonita e saudável. Veja também os 10 erros mais comuns na hora do banho!

Tags: depilação, saúde da mulher, homeopatia e saúde

2017-01-09T08:00:13-02:00 09/01/2017|BEM-ESTAR, DICAS, MULHER|0 Comentários

Deixar Um Comentário